FIVB conquista prêmio máximo do Grand Prix Strategies du Sport 2019 com projeto Good Net

Publicado em 22/11/2019

A Lida das Nações de Vôlei recebeu o bronze na categoria “Design”

O ano ainda não acabou mas a Federação Internacional de Vôlei (FIVB) já pode comemorar 2019 como um grande sucesso. O projeto Good Net conquistou o prêmio principal da 12ª edição do Grand Prix Strategies du Sport. A cerimônia anual de premiação, realizada em Paris, França, celebra o melhor da comunicação no esporte, analisando campanhas digitais, conteúdo da marca e design. Entre um total de 87 projetos, inscritos em 10 categorias, a FIVB ficou em primeiro lugar ao ganhar três prêmios. Além da iniciativa sustentável do Good Net, a Liga das Nações de Vôlei 2019 e o Grand Prix também foram premiados.

O projeto Good Net, uma iniciativa de sustentabilidade lançada para recuperar redes de pesca descartadas no oceano e reciclá-las em redes de vôlei, levou o Grand Prix, o maior prêmio da noite. Tendo já recebido o Gold Award na categoria “Operações de Eventos”, o projeto Good Net da FIVB também ganhou o Grand Prix, um reconhecimento maravilhoso no ano inaugural da iniciativa.

Desde seu lançamento, na praia de Copacabana, em março de 2019, o Good Net tem contado com o engajamento de atletas e fãs em eventos de prestígio, como o Campeonato Mundial de Vôlei de Praia da FIVB em Hamburgo e as Finais da World Tour em Roma. O projeto Good Net também permitiu à FIVB alcançar fãs do mundo todo, educando-os sobre os perigos das redes fantasmas abandonadas.

A Liga das Nações de Vôlei (VNL), competição lançada pela FIVB em 2018, recebeu o bronze na categoria “Design” pela criação da sua marca “100% Made of Volleyball”, que engloba os valores do trabalho em equipe, a prática esportiva e respeito. Ambos os projetos foram resultado do trabalho da FIVB e da agência global de design e marca Landor.

“A FIVB é apaixonada por promover mudanças globais e sustentáveis através do esporte. O projeto Good Net trata de assumir a responsabilidade por nossos oceanos e praias – nossos campos naturais –, sendo uma oportunidade de transformar uma situação negativa em positiva”, declarou o presidente da FIVB, Ary Graça.

O presidente também comemorou a conquista da VNL: “É um grande evento, que reflete o esporte e seus valores de trabalho em equipe e igualdade de gênero, aliados a uma moderna tecnologia e inovação. É uma grande honra receber esse reconhecimento e espero que este seja apenas o começo, pois entramos em um grande ano olímpico para a família do vôlei”.

Hervé Bodinier, diretor de consultoria e ativação da Lagardère Sports and Entertainment comentou a conquista do prêmio máximo da FIVB: “O esporte pode ser uma solução e este é um bom caso de uma Federação Internacional tentar resolver uma questão ambiental, servindo e facilitando a prática do esporte diariamente. Essa é a razão pela qual o júri foi unânime e muito feliz em homenagear este projeto com o prêmio”.